JOINVILLE

(47) 2105.9900

JARAGUÁ DO SUL

(47) 2105.9980

AGENDAMENTO JOINVILLE

(47) 2105 9909 / (47) 98841 6103

AGENDAMENTO JARAGUÁ

(47) 2105 9980 / (47) 98817 5202


20 / jun

Pensando em comprar um carro zero? Saiba como financiar

Espaço interno, motorização, cor e design. Quando você entra em uma concessionária, geralmente observa essa série de características. Afinal, são inúmeros modelos, tamanhos e estilos. Por conta da infinidade de opções, é fácil esquecer de analisar o principal: como pagar e levar o automóvel para a garagem sem pesar no bolso.

Como a maioria das pessoas opta por não comprar o veículo à vista, elaboramos um guia com os financiamentos mais comuns no mercado nacional. Embora pareça uma diferença pequena, juros mais baixos podem ter um grande impacto no final.

CDC

Mais comum no mercado nacional, no CDC você faz um empréstimo em um banco – que pode ser o da própria concessionária – e será taxado de acordo com o número de parcelas. Apesar do juro ser mais alto do que no consórcio, você sai da loja com o automóvel. Além disso, a qualquer momento é possível quitar a dívida e abater o juros.

Outro diferencial, como ocorre na Toyota, é financiar direto com a montadora. Além de taxa zero para alguns modelos, de acordo com o valor da entrada, os juros são mais baixos do que os bancos convencionais.

Características

  • Contratos podem ser em até 60 meses
  • Com uma boa entrada, geralmente acima de 60% do valor do carro, a taxa de juros é zero
  • Retira o automóvel de imediato (assim que realizar todo o processo de compra)
  • O carro fica em nome do proprietário, mas alienado à instituição financeira
  • Os juros podem ser abatidos se quitar a dívida
  • Não precisa ter dinheiro em mãos
  • Ao valor da taxa de juros, incide imposto (IOF)

Leasing

Nesta modalidade você não terá o automóvel em seu nome até quitar toda a dívida, como se fosse um aluguel do veículo. O lado bom é que a taxa de juros é menor do que no financiamento, pois não inclui o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), e é possível parcelar em até 84 vezes, o que varia de banco para banco.

A maior diferença entre ele e o financiamento, é que no CDC você pode quitar a dívida a qualquer momento, enquanto no leasing há mais burocracia e não dá para quitar a dívida antes do prazo final.

Características

  • O automóvel fica no nome do banco
  • Somente depois de dois anos é possível quitar o contrato antecipadamente e transferir o carro para o seu nome. Antes disso, há multa
  • Contratos só acima de 24 meses
  • As taxas de juros são menores
  • Os valores das parcelas não mudam

Consórcio

Com a menor taxa de juros, o consórcio é mais utilizado por quem planeja comprar um carro nos próximos anos. Nesta linha de crédito, você faz parte de um grupo de compradores organizado por uma administradora de consórcio e só colocará o carro na garagem quando quitar a dívida, ser sorteado – a empresa contempla uma pessoa uma vez por mês – ou dar o maior lance entre os clientes para quitar parcelas.

Outra diferença na comparação com o CDC e o leasing, é que no consórcio as prestações sofrem alterações de acordo com a variação do preço do veículo adquirido.

Características

  • As taxas de juros são mais baixas
  • Você só pega o automóvel depois de quitar a dívida, ser sorteado ou dar o maior lance entre o grupo de compradores
  • Pode parcelar em até 84 vezes dependendo do banco
  • O valor da parcela pode sofrer alterações

Vamos à compra

Agora que você conhece as principais linhas de crédito para financiar o automóvel, confira como elas funcionam no banco Toyota, que atua no país há mais de duas décadas. Atualmente, as taxas de juros da montadora é uma das mais baixas do país entre os bancos tradicionais. Por isso, antes de comprar um carro, vale a pena observar as condições da Toyota, que oferece as modalidades de CDC, leasing e consórcio.

JOINVILLE

(47) 2105.9900

JARAGUÁ DO SUL

(47) 2105.9980